1º Observar o mercado é um ponto essencial

Isso porque hoje em dia existem diversos tipos de nichos de negócios, então é necessário muita pesquisa e também afinidade com um negócio que você goste e sinta-se bem.

 

Pode parecer brincadeira, mas se sentir realmente confortável com uma empresa é uma chave para ser bem sucedido.

 

Imagina só, levando para o lado pessoal, imagine que você torce para um time de futebol, vamos dizer o Real Madrid(Espanha) e você é chamado para torcer para o Barcelona(Espanha), arquirrival do seu time. 

 

Você pode até aceitar, mas quando você for torcer, você com certeza não irá torcer da mesma forma que iria torcer para o Real Madrid, estou certo?

 

Isso é comum, até porque não gera simpatia com você, então simplesmente você seria "forçado" a torcer para aquele time, não iria fazer por vontade própria.

 

E é exatamente da mesma forma que acontece nos negócios, se você é obrigado a gerir uma empresa que você não simpatiza, simplesmente a empresa não será bem sucedida porque você não está envolvido no negócio de corpo e alma.

 

Agora imagine só que você é um curioso nato, você ama computadores e sabe tudo sobre, então aparece uma oportunidade incrível de se abrir uma loja de venda de computadores ou então de manutenção.

 

Não me restam dúvidas, você com certeza aceitaria, ainda que tivesse um certo risco envolvido, mas quando a pessoa tem a chama do empreendedorismo dentro de si e aparece uma oportunidade, ela agarra!

 

E é disso que estou falando para você, é uma combinação de fatores.

  • Você precisa simpatizar com o que você gosta
  • É necessário ter a chama do empreendedorismo
  • Coragem, muita coragem para abrir um negócio

As vezes parece assustador dizer que é necessário ter coragem para empreender, mas é verdade... quando você chegar na parte de Parar e tirar tudo do papel desse artigo você vai entender realmente o porquê, mas deixa eu te dá uma breve explicação.

 

Empreender envolve muitos riscos, significa dizer que você colocará funcionários em risco.

 

Calma! Não é risco de vida, mas é algo parecido. Você pode simplesmente destruir planejamentos que os funcionários tinham porque não soube administrar o seu negócio da forma correta.

 

Pode acontecer também de você gerar diversas dívidas e ter que arcar com todas elas. Me desculpe, mas eu realmente preciso ser sincero com você - tudo isso pode acontecer, mas claro... se você seguir as dicas que tem aqui nesse artigo e der mais do que 100% no seu negócio eu tenho a confiança que será um excelente empresário e terá um negócio brilhante.

 

Ainda que você tenha toda coragem, simpatia e a chama do empreendedorismo a etapa da observação envolve mais coisas também, como por exemplo analisar onde o seu negócio estará, isso também será melhor explicado na parte de Planejamento desse artigo.

 

Vamos lá, imagine comigo agora que você já simpatiza com seu negócio, tem a chama do empreendedorismo dentro de você e tem coragem, e vamos supor que o seu negócio seja uma Loja de Roupas para o público de classe alta.

 

Então você vai abrir em um bairro considerado pobre. Você realmente acha que seu negócio vai prosperar? Pode até acontecer, mas eu não posso chegar para você e dizer: "continua que realmente vai dar certo", até porque não é o seu público alvo.

 

Provavelmente as roupas seriam muito caras e o seu bairro não teria condições de comprar e então o seu negócio viria a falência.

 

Começou a entender agora o que eu quero dizer, certo?

 

Mas olha, também tem casos como o do Facundo Guerra, que hoje é considerado um dos maiores empreendedores do país e ao lançar o seu negócio, mas especificamente uma boate, em uma rua que era considerado por muitos como marginalizada e sendo criticado por todos os lados como louco, deu certo e hoje fatura milhões por ano!

Essa daqui é a foto da boate Vegas do Facundo Guerra que hoje em dia vive lotada:

As vezes desafiar o óbvio é bom. Mas nem sempre é garantia de certeza, cabe a você pensar fora da caixa e seguir seu instinto.

 

2º Planejamento é a base para o sucesso

Talvez para algumas pessoas o planejamento seja desnecessário e eu venho aqui para desmentir completamente!

 

O Planejamento talvez seja a parte mais importante que você vai ver durante todo esse artigo, só de ler essa segunda parte aqui já posso dizer para você que terá bem mais conhecimento de como ter um negócio bem sucedido.

 

E eu digo isso porque é uma das tarefas iniciais que todo empreendedor deve fazer e caso cometa erros nessa etapa todo o seu negócio irá por água a baixo e então será necessário rever todo seu planejamento.

 

Espero que não se assuste, mas realmente isso aqui é algo imprenscidivel para você planejar como será o posicionamento da sua empresa e como ela se manterá nos anos seguintes.

 

Dentro do Plano de negócios existem diversos tipos de planejamentos, tais como Planejamento Financeiro, Planejamento de Marketing, Planejamento Operacional e mais outros.

 

Mas caso você não tenha muito tempo nem paciência para fazer isso, quero te recomendar pelo menos seguir esses três:

  • Planejamento Financeiro
  • Planejamento Operacional
  • Planejamento de Marketing

Plano de Negócios

Seguindo o Sebrae, que hoje é considerado um dos maiores órgãos auxiliares para micro e pequenas empresas no Brasil, o planejamento de negócios deve seguir algumas etapas.

  1. Analisar o Mercado - que é basicamente o que eu te expliquei no tópico anterior de Observação, porém ainda mais detalhado contendo informações sobre o estudo do cliente, estudo de concorrentes e estudo de fornecedores.
  2. Operacional e Financeiro - na parte do operacional irá definir como sua empresa irá se comportar, será aí que você vai pensar qual será a capacidade máxima de produção ou serviços e a comercialização que seu negócio irá suportar. O financeiro será definição de quanto irá investir em sua empresa, basicamente as estimativas de despesas, receitas, fluxo de caixa, capital de giro, custos de mão-de-obra e mais outros diversos detalhes.
  3. Aprofundamento - você deve se aprofundar ainda mais no seu negócio, construir cenários negativos e positivos e pensar em ações para corrigir os cenários negativos. Pensar no seu marketing e como prosperar ainda mais a sua empresa.